Os remédios para ejaculação precoce tem o objetivo de retardar a vontade de ejacular, seja diminuindo a sensibilidade do pênis ou agindo no sistema nervoso central para reduzir a sensação de ansiedade  – uma das principais causas do problema. A maioria dos remédios podem ser tomados sem necessidade de receita médica, mas é preciso que o usuário conheça bem a fórmula para acertar no tratamento.

Todos os remédios para tratamento de ejaculação  precoce contém uma série de efeitos colaterais. Entre os principais está a sensação de adormecimento, formigamento e relaxamento. Confira os principais remédios para ejaculação precoce e saiba definir qual é o melhor para você:

Os 5 remédios mais utilizados no controle da ejaculação precoce

Os remédios indicados no tratamento da ejaculação precoce geralmente são da classe de antidepressivos e ansiolíticos. Isso acontece porque a origem do problema geralmente é psicológica como ansiedade generalizada, depressão, stress e outras questões relacionadas.

Por tanto, o remédio para ejaculação funciona, mas precisa acontecer ao mesmo tempo que o usuário trabalha o lado emocional, diminuindo a pressão social e criando maior confiança sobre si mesmo em todas as questões da vida e não somente sobre seu desempenho sexual.

 


Alternativas Naturais para Combater a Ejaculação Precoce

Antes de aprofundar o texto para que você saiba mais sobre a Ejaculação Precoce, vamos apresentar algumas alternativas naturais que estão fazendo com que homens superem esse problema tão preocupante que é a Ejaculação Precoce. São alternativas que vão fazer com que o seu desempenho sexual atinja um outro nível. Vale a pena conhecer…

Tesão de Vaca

O Tesão de Vaca já faz parte do folclore brasileiro. Muito difundido no interior do Brasil, o suplemento foi profissionalizado e ganhou uma nova fórmula capaz de fazer com que qualquer homem tenha uma melhora considerável na sua performance sexual.

Ele está entre os afrodisíacos mais potentes do mercado e, com certeza, não vai te deixar na mão no momento mais importante do seu dia.

Uma ótima alternativa para quem busca resultados mais rápidos e intensos.

Pontos Positivos

  • Sem efeitos colaterais
  • Resultados em 15 minutos
  • Garantia de Devolução de Dinheiro se não funcionar
  • Produto 100% natural e eficiente

Pontos Negativos

  • Compra apenas pela internet
  • Não Vende em Farmácias;
  • Te deixará louco por sexo (sua parceira vai ter que aguentar…)

Xtramaster

Esse produto é testado e aprovado por diversos homens que não estavam satisfeitos com sua performance sexual e não encontravam algo que realmente funcionava.

O Xtramaster é um suplemento de alto nível, com usuários assíduos que relatam resultados surpreendentes. Ejaculações prolongadas, ereções mais firmes… Um pau de dar inveja para qualquer um e deixando as mulheres com água na boca.

Podemos dizer que hoje está ente as 3 melhores alternativas no mercado para quem busca o fim da ejaculação precoce e problemas de ereção.

Pontos Positivos

  • Viagra Natural
  • Potencializa o Prazer Masculino
  • Ereções que Você Nunca Teve na Vida
  • Usado Por Atores Pornôs

Pontos Negativos

  • Um pouco mais caro que o Tesão de Vaca
  • Não vende em Farmácia
  • Vai fazer com que sua parceira peça água…


1 – Os que contém Clomipramina (Antidepressivo)

A cloropramina é um tipo de antidepressivo muito recomendado para o tratamento de ejaculação precoce. O problema desse tipo de medicação é que contém uma série de efeitos colaterais indesejáveis como por exemplo a falta de emoções e sensações, o sexo torna-se algo não tão satisfatório.

2 – Paroxetina, Fluoxetina e Ansiolíticos

Esse tipo de medicamentos são antidepressivos e ansiolíticos que ajudam no tratamento da ejaculação precoce por diminuir as taxas de ansiedade e consequentemente a vontade de ejacular.

A diferença é que essa classe de ansiolíticos e antidepressivos funciona de forma mais amena, somente controlando a ejaculação precoce. Essa classe de medicamentos também tem efeito sobre a sensação e emoções do usuário e por isso precisa de receita médica e tem venda controlada.

3 – Trazodona

A Tradozona é um tipo de antidepressivo mais ameno que controla a ejaculação e também tem outros efeitos que ajuda na melhoria da vida sexual. Além do retardamento e diminuição da sensibilidade no pênis, ela o mantém mais enrijecido e funciona como um potente vasodilatador.

A diferença é que ao contrário de alguns ansiolíticos ela dá efeitos de controle da ejaculação sem necessariamente tornar a relação sexual sem emoção.

4 – Lidocaína ou Prilocaína

Esse remédio geralmente é vendido em forma de Spray. O medicamento é revolucionário no tratamento do problema de ejaculação, pois age somente no pênis sem precisar expor o organismo a drogas pesadas como os antidepressivos. A prilocaína deve ser aplicada cinco minutos antes da relação sexual e é composta basicamente de anestésicos utópicos.

Entre os únicos efeitos colaterais do uso desta medicação está a sensação de queimação no pênis que pode variar de homem para homem e algumas mulheres também reclamam da ardência.

Como funcionam os remédios para ejaculação precoce?

Os antidepressivos são os tipos de remédio mais recomendados para o tratamento da ejaculação precoce. O uso desta substâncias para esta finalidade iniciou na década de 1960 e dividia-os em inibidores seletivos da recaptação da seratonina que atua na quantidade de hormônio responsável por causar a ejaculação e ereção.

Já os bloqueadores de receptores centrais de dopamina retardam a ejaculação porque agem os neurotransmissores que estimulam o sistema nervoso central. Eles se encontram principalmente em antidepressivos e antipsicóticos, mas podem ter muitos efeitos colaterais e reações adversas.

O terceiro grupo de medicamentos relacionados é aos tricíclicos que aumentam em muito a quantidade de seratonina bloqueando os neurotransmissores e dando uma sensação de falta de sensibilidade no pênis.

Principais efeitos colaterais

  • Vômitos
  • Sudorese
  • Diarreia
  • Falta de sensibilidade na pele
  • Rigidez muscular
  • Alucinações
  • Dor de cabeça
  • Falta de emoção
  • Congestão nasal
  • Boca seca
  • Tontura
  • Erupções cutâneas

Antes de tomar um remédio para ejaculação precoce deve-se procurar um médico para ajudar na recomendação adequada. O primeiro passo é deixar a vergonha de lado, afinal, o problema é muito comum – cálculos feitos por entidades universitárias mostram que o problema afeta 30% da população mundial masculina.

Além disso, a ejaculação precoce é um tipo de disfunção erétil que pode estar ligada a outros fatores psicológicos como ansiedade, depressão, stress e até pressão social.

Ao tratar esses problemas causadores da ejaculação precoce você não precisará mais utilizar medicamentos específicos para o problema. Os antidepressivos e ansiolíticos podem ajudar  a controlar esses problemas de ordem psicológica, mas é importante conhecer qual formula melhor convém as características apresentadas.

Como tomar remédios? O tratamento é contínuo? Funciona mesmo?

Os medicamentos utilizados para o tratamento de ejaculação precoce são controlados e exigem regras e continuidade. Antidepressivos e ansiolíticos são uma classe de remédios que precisam ter controle médico e não devem ser utilizados juntamente com bebidas alcoólicas e podem ter reações salientadas se tomados juntamente com uso de tabaco.

Em relação ao spray e tipos de remédios utópicos não a restrições e a maioria deve ser utilizada somente alguns minutos antes da relação sexual.

O melhor remédio é controlar a ansiedade, manter-se calmo, relaxado e ter a confiança sobre si mesmo na cama, assim como em todos os outros setores da vida. Trabalhe isso em si mesmo e os resultados irão muito além do sexo. O remédio só funciona se você também tiver controle sobre si mesmo.