Quero começar esse texto com uma pergunta importante? Você está satisfeito com seu desempenho na cama? Que tal ter uma transa AINDA MAIS LONGA? O segredo está aqui ► Clique enquanto ainda está no ar…

A ejaculação precoce é o orgasmo prematuro do homem, ela pode acontecer logo após a penetração ou até antes que a relação sexual aconteça. O diagnóstico do problema é somente para os homens que tem o problema com frequência. Um  ou outro episódio podem ser descartados, afinal, há grandes chances de estarem ligados a tensões momentâneas.

A verdade é que ansiedade e sexo não se atraem.  A prova disso está na palavra dos 30% de homens do mundo que sofre da ejaculação precoce, a recorrência é tão grande que passou a ser tratada como uma questão de saúde pública. As consequências vão muito  além das decepções nos lençóis, resultam em depressão, stress e perda de qualidade de vida.

ejaculacao precoce

Sintomas da Ejaculação precoce

ansiedade e ejaculacao precocePara saber se você tem ejaculação precoce é preciso estar atento a algumas sensações durante a relação sexual. Se os sintomas forem recorrentes na vida sexual o diagnóstico é positivo. Caso contrário a recomendação é usar alguns métodos naturais para aliviar a ansiedade.

  • Dificuldade em controlar a ereção por menos de um minuto de penetração
  • Incapacidade de retardar a ereção ou realizar o coito interrompido
  • Ansiedade e agitação além do normal no momento da relação sexual
  • Frustração antes ou após o coito
  • Incapacidade de manter algumas posições sexuais por mais de alguns segundos sem ejacular
  • Baixa auto-estima e autoconfiança
  • Depressão, stress e ansiedade

A ejaculação precoce não é um sinônimo de inexperiência, mesmo que o histórico sexual influencie na performance do homem. O problema pode aparecer em dois casos: pessoas mais jovens como adolescentes ou quem praticou pouco sexo ou então em homens que tinham um   desempenho de bom no passado e passou a sofrer dos sintomas.  Este é o caso da manifestação da ejaculação precoce secundária,tem as mesmas causas de quem já inicia a vida sexual com o problema.

Tratar a ejaculação precoce e a disfunção erétil é o primeiro passo para que os homens possam manter uma relação sexual melhor com sua parceira, além de que isso também pode trazer resultados melhores durante o ato sexual, diminuindo os casos de ejaculação em muitos homens.

Se você está querendo saber melhores técnicas que podem auxiliar como tratamentos da ejaculação preciso, leia abaixo muito mais sobre terapia sexual, entenda melhor sobre sensibilidade do pênis, a técnica do aperto e muito mais que é necessário aos pacientes.

Como é feito o diagnóstico?

Primeiro você precisa ir até o médico mais indicado para esse caso, que é o urologista ou o psiquiatra. É importante que você só procure ajuda médica quando os acontecimentos estão quase crônicos e sempre constante.

Uma ejaculação normal acontece dentro de cinco minutos – em média -, já é considerada precoce quando acontece logo no primeiro ou segundo minuto da penetração. Em casos mais extremos, ela pode acontecer até mesmo antes da penetração.

O médico vai fazer uma série de perguntas sobre sua vida sexual. É importante que você não tenha vergonha de ir até o local, acredite, esse médico vê pessoas com o mesmo problema o dia inteiro.

Para concluir o diagnóstico e o exame, o paciente terá que fazer um teste físico, além de alguns exames de sangue podem ser solicitados para avaliar a quantidade de testosterona na corrente sanguínea do paciente.

Porém ao começar a ver os sintomas iniciais já é possível ver se é ejaculação precoce, entender melhor sobre as causas e sintomas e o que é necessário fazer para melhorar o seu bem estar.

Tipos de ejaculação precoce

É importante que você entenda que a ejaculação precoce pode ser causada por diferentes motivos e também que há dois tipos, veja abaixo quais são elas e os sintomas:

Ejaculação precoce primária

Essa é aquela ejaculação que está relacionada com problemas que já perduram pela vida do paciente durante boa parte da vida. Esse tipo de problema é responsável por 65% dos casos da doença.

Também existe aquele tipo de ejaculação precoce que acontece antes mesmo de ocorrer a penetração de fato, nesse quesito, ela toma conta de 50% dos problemas.

O problema fica mais aparente nos homens com o avanço da idade, muitas vezes essa ejaculação acontece em menos de 1 minuto do início da penetração, tudo devido a grande sensibilidade do pênis. Os sintomas são os mesmos já citados, somente os fatores são diferentes, o que é uma coisa necessária de ser conhecida de modo que é da sua conta na hora de procurar soluções para as principais causas.

Ejaculação precoce secundária

Ela acontece quando o paciente passa por um possível trauma ou problema muito marcante. Esses problemas podem ser desde vindos do hipertireoidismo, fimose, supersensibilidade da glande, além de alguns problema neurológicos e que foram causados por medicamentos.

Também acontece após uma possível doença como prostatite, que é facilmente resolvida por meio do uso dos medicamentos corretos. Outro problema que é ejaculação secundária é quando acontece apenas com determinada pessoa. Os sintomas e tratamento são diagnosticados pelo médico, tudo isso é possível se os pacientes forem atrás de tratar o problema que consiste em ejaculação precoce.


Uma forma natural para manter sua ereção

Muitos homens reclamam sobre as ereções curtas – menos de 3 minutos… Eu jamais quero passar por uma situação dessa. Se você está sofrendo com isso, posso te dizer que há soluções naturais que podem fazer você voltar a ser uma máquina de fazer sexo. Conheça abaixo o Melhor suplemento do mercado, que ajuda a manter a ereção durante o sexo:

Xtrasize

Esse produto está há mais de 7 anos no mercado e é o substituto ideal do Viagra. Você não precisa de receita e nem indicação médica para começar a tomar o Xtrasize. E os resultados virão na velocidade da luz! Você só encontra o Xtrasize pela internet, e para fazer a sua compra, basta clicar aqui (esse é o link da loja OFICIAL do produto).

O tratamento simples e vai ter ajudar nos seguintes aspectos:

  • Ereção Prolongada
  • Fim da Ejaculação Precoce
  • Aumento do Libido (vontade de transar mais)
  • Performance de Ator Pornô
  • O seu Pau vai Explodir!


 Principais causas

  • Ansiedade e stress
  • Quadros de depressão
  • Problemas emocionais ligados a relacionamentos passados
  • Efeitos colaterais de medicamentos (como psicotrópicos)
  • Desnivelamento do hormônio da tireoide
  • Aumento do nível de neutrotransmissores
  • Inflamação na próstata
  • Fatores genéticos
  • Danos no sistema nervoso
  • Distúrbios de atenção

A principal causa da ejaculação precoce no homem é a ansiedade ou tensão. Este problema traz sintomas não somente na cama como para todos os setores da vida e pode estar relacionado a problemas psicológicos e de ordem emocional como experiências frustrantes, traumas e outros.

Em alguns homens a manifestação de ansiedade e tensão se apresenta somente quando acontece o relacionamento com a parceira. Isso indica problemas atrelados a relacionamentos e precisa ser tratado com medicação específica aliado a terapia para desenvolvimento e compreensão das emoções com ajuda de um psicólogo.

É importante também você saber diferenciar os tipos de causas, isso porque elas são divididas em fatores psicológicos e os fatores biológicos. Veja abaixo quais são eles:

Fatores biológicos

  • Problemas na tireoide;
  • Alguns fatores genéticos;
  • Inflamação ou uma possível infecção na próstata ou uretra;
  • Os níveis hormonais desequilibrados;
  • Os níveis dos neurotransmissores acima do aceitável;
  • Problemas no sistema de ejaculação;
  • Problemas no sistema nervoso que foram causados por experiência traumáticas ou possíveis cirurgias.

Fatores psicológicos

  • A ansiedade.
  • Disfunção erétil;
  • Problemas ao se relacionar com a parceira ou parceiro;
  • Utilizar medicamentos psicotrópicos.

Fatores de Risco

Em alguns momentos da vida ou condições biológicas aumentam as chances de ocorrência de uma ejaculação precoce. A maioria deles são de ordem emocional e psicológica:

  • Problemas para manter uma ereção
  • Medo de perder uma ereção
  • Inabilidade mental para lidar com relação sexuais
  • Incapacidade de concentração na parceira
  • Doenças cardíacas

A pressão social é algo que contribui em muito para a recorrência da ejaculação precoce, é um fator de risco incidente principalmente na adolescência. Quando o parceiro está pressionado a ter uma boa performance e fazer a relação sexual durar muito  torna-se mais estressado e mantém os músculos contraídos: o resultado é a ejaculação prematura.

Sintomas da ejaculacao precoce

Tratamento e prevenção

Não existe remédio específico para o tratamento da ejaculação precoce. O mais próximo é o uso de anestésicos locais ou antidepressivos de efeito curto como a depoxatina. Os remédios mais receitados são antidepressivos, relaxantes musculares e ansiolíticos. O problema é que entre os efeitos colaterais está a falta de emoção, amortecimento e falta de emoção durante a relação sexual.

Os tratamentos caseiros envolvem técnicas que ajudam a controlar a ansiedade e relaxar os músculos, podem ser feitos poucos minutos antes da relação sexual ou durante. Os mais comuns são:

  • Adquirir mais experiência sexual
  • Técnica do exercícios de Kangel para relaxar o músculo pubociccígeo
  • Fazer uso de pomadas, cremes e sprays
  • Tipos de masturbação
  • Posições sexuais mais relaxantes
  • Uma boa massagem
  • Sexo oral com masturbação antes da penetração
  • Realizar paradas durante a relação
  • Segurar o pênis pouco antes da ejaculação

Para saber como fazer cada uma destas técnicas funcionar veja aqui dicas completas de como evitar a ejaculação precoce e ter muito mais tempo de relação sexual.

tratamento da ejaculacao precoce

Os tratamentos mais comuns

Há vários tipos de tratamento, como você pode acompanhar anteriormente, leia abaixo quais as mais indicadas e como funcionam:

Caprichar nas preliminares

Além de deixar a sua parceira mais feliz e com muito mais vontade de ter relações sexuais com você, você pode ganhar muito mais tempo por meio do sexo oral, masturbação e tantas outras técnicas.

Você vai se sentir muito mais à vontade, além de que a relação fica mais gostosa e as chances de sua parceira chegar até o orgasmo são muito mais rápidas do que pelos meios convencionais.

Hipnose

Comprovada como um dos médicos mais efetivos, a hipnose trabalha no subconsciente da pessoa, desse modo, essas sessões ajudam ao paciente a manter a ereção durante muito mais tempo. Muitos homens que participaram desse tipo de tratamento alternativo falaram que os efeitos são reais e funcionam mesmo.

Terapia Sexual

Conhecida como a técnica de se masturbar antes da relação, desse modo a ereção permanece por mais tempo durante o sexo em si.

Você também deve procurar outras maneiras de sentir prazer, indo sempre além de somente a penetração. Converse com sua parceira e veja as possibilidades que está ao alcance dos dois.

Método “começa e para” ou os clássicos exercícios penianos

Um método rápido e fácil que pode ser feito pelo próprio paciente ou com a ajuda da parceira, a técnica do “começa e para” é simples: estimular o homem sexualmente até que ele quase atinja o orgasmo, quando chegar nesse momento, a estimulação deve ser interrompida pelo tempo de 30 segundos.

Assim, se inicia novamente. É preciso prosseguir com esse movimento até que se queira ejacular.

A técnica do aperto

Bem parecida com o método anterior: depois do momento do estímulo e quando a ejaculação está para acontecer, é preciso para e apertar levemente durante alguns segundos a parte final do pênis, bem onde a glande se encontra com o eixo.

Ao fazer isso, é necessário esperar 30 segundos e então começar novamente a penetração ou masturbação até o momento de atingir o orgasmo. Essa técnica pode ser feita várias vezes.

Uso de medicamentos

Em casos mais sérios, é necessário fazer o uso de alguns medicamentos para prolongar a ejaculação. Na maioria das vezes são usados antidepressivos, além de algumas pomadas anestésicas de modo a diminuir a sensibilidade.

Os medicamentos mais indicados podem ser a Clomipramina e o Anafranil. É necessário sempre consultar um médico, não faça a automedicação, ela é super perigosa.

Alimentos específicos

Há alguns alimentos que você pode inserir na sua alimentação que podem ajudar no tratamento da ejaculação precoce. Os leites, os ovos e derivados são super indicados, isso porque aumentam a sensação de felicidade e causam a sensação de relaxamento do corpo.

Outro alimento que também é indicado é o espinafre, ele é um aliado para quem sofre de ansiedade. O mesmo acontece com o uso de frutas cítricas que também trazem a sensação de bem estar no corpo durante horas.

Massagem tântrica

Por meio dessa massagem, o paciente fica relaxado e consegue controlar melhor a sua ejaculação. Ela é feita com movimentos destinados ao pênis, períneo, testículos e na área erógena.

Exercícios na região sexual

É possível exercitar a região do assoalho pélvico, sempre no momento que for urinar. Interrompa o fluxo do xixi pelo tempo de cinco segundos. Desse modo, ao conseguir controlar o seu fluxo de urina, é possível também ter controle sob o orgasmo.

Uso de ervas específicas

Você pode incluir o consumo de determinadas ervas na sua alimentação, como por exemplo: leite de aspargos, cebolas brancas, inhame selvagem, flor da paixão e o chá de cravo. Eles podem ajudar a diminuir a ejaculação precoce. É indicado tomar o chá de cravo duas vezes ao dia.

Diminuir ou parar com o cigarro, drogas e álcool

Os três tem influencia direta na ejaculação precoce. Experimente diminuir eles e veja o seu corpo dar sinais de melhora.

Possíveis complicações

A ejaculação precoce não traz problemas para a saúde em si, porém tem interferência direta na timidez, autoestima e traz complicações na vida a dois.

Em casos mais extremos, é possível interferir na fertilidade, sendo necessário tratamento para engravidar.

Como conviver com o problema?

É necessário fazer uso das técnicas descritas acima e procurar um profissional no assunto para iniciar o tratamento.

FAQ – Perguntas frequentes sobre ejaculação precoce

Saiba aqui todas as respostas para o seu caso de ejaculação precoce e tenha toda a instrução necessária para curar sem precisar sair de casa e ter total domínio da usa disfunção erétil.

Existe remédio para ejaculação precoce?

Não existe um remédio específico para ejaculação precoce. Somente cremes, pomadas e outros que são vendidos na internet e que ajudam a controlar a ereção no momento do ato sexual. No entanto, para superar o problema ainda é preciso utilizar medicações que vão além como  antidepressivos, ansiolíticos e tratamento psicológico.

Qual é o tempo mínimo para atingir um orgasmo sem ser precoce?

É difícil estabelecer um tempo mínimo para atingir o orgasmo e ejacular. Isso também varia entre os sexos, para mulher é mais demorado. De acordo com uma média apurada pelo Journal of Sexual Medicine, a média da relação sexual é de 5,4 minutos. Foram avaliados o tempo de relação de 500 casais de cinco países durante um mês. Quando a ejaculação acontece entre 1 minuto e 1,5 há caracterização da ejaculação prematura.

A caracterização da ejaculação precoce deixa de satisfazer a companheira em 50% dos atos sexuais estudados. Em outros estudos essa taxa é elevada para 80% dos episódios.

A mulher pode ajudar no tratamento?

A ideia de terapia do casal para tratar a ejaculação precoce é muito recomendada. Ela pode estimular o desenvolvimento de autoconfiança no homem e algumas práticas durante a própria relação sexual também ajudam, como uma boa massagem, relaxamento e outas técnicas que mostram somente afeto e não uma tentativa de durar o ato sexual, o que causa pressão psicológica.

Posso tomar viagra para curar ejaculação precoce?

Alguns viagras ajudam a melhorar a circulação e garantir mais tempo de relação sexual, controlando a ejaculação. No entanto é preciso estar atento a fórmula, os inibidores da enzimafosfodiesterase 5 ajudam a relaxar as células e são os mais recomendados.

Além disso, os famosos viagras também ajudam a aumentar o intervalo entre uma ereção e a segunda. A recomendação é de que aconteça a masturbação anteriormente a relação sexual até ejacular. Depois, quando a excitação acontecer novamente será possível passar bastante tempo sob atividade.

Outro ponto positivo do uso deste tipo de medicamento é que eles ajudam a dar confiança para o homem. Afinal, após uma boa experiência e satisfação da parceira passa-se a sentir mais capaz de construir uma boa vida sexual, sem frustrações.

No que devo pensar durante a relação para ajudar a controlar a ejaculação?

Existe um boato de que pensar em assuntos aleatórios durante o ato sexual ajudam a controlar a ejaculação, no entanto isso não funciona. A melhor coisa a fazer é se concentrar na companheira, prestar atenção nos gestos, sentir-se estimulado e não ficar pensando no seu desempenho – isso aumenta a pressão psicológica e tensão.

Ducha fria funciona?

Tudo depende da sensação, se relaxar pode ajudar sim.

Bebidas alcoólicas ajudam a relaxar ?

Essa situação é bem complexa. Porque cada pessoa tem um efeito diferente sobre o alcool, como ele age diretamente no sistema nervoso central pode manter um efeito anestésico, mas uma dose a mais será o suficiente para adiantar o efeito da ereção.  Não deve-se tornar dependente do álcool para ter relações boas e duradouras.

Drogas psicoativas como maconha, heroina e cocaina tem efeito sobre a ejaculação?

Nas primeiras vezes o uso de drogras podem retardar a ejaculação, mas o erro de dosagem pode causar a perda da ereção e o uso abusivo também pode descarregar diferentes efeitos colaterais maléficos ao organismo.

Adolescentes e jovens ejaculam mais rápido?

De modo geral sim. A falta de experiência e pressão social característica da idade faz com que a tensão durante a relação seja maior para estes públicos. O resultado está na ejaculação precoce e perda de desempenho sexual.

Quando e qual médico procurar

A ejaculação precoce precisa ser tratada com ajuda de um especialista como urologista. O primeiro passo é aceitar o problema e tentar resolvê-lo com técnicas naturais tais como exercícios, relaxamento e outras atividades que ajudam a prevenir a ejaculação.

No entanto, como ninguém quer depender de exercícios durante a relação sexual para ter um bom desempenho na cama a melhor recomendação é a procura de um médico para indicação do tratamento adequado.

O tratamento vai depender totalmente do diagnóstico e causas da ejaculação precoce para cada um. Alguns precisarão tomar remédios antidepressivos, outros recomenda-se somente cremes e pomadas.  Para outros a consulta com psicólogos poderá ser indicada para a longo prazo melhorar a sensação emocional e aliviar a ansiedade em todos os setores, incluindo na vida sexual.

Se você parar o tratamento com antidepressivos, que é atualmente  o remédio mais indicado para a situação, considere que poderá haver voltas do problema. Além disso, por agir no sistema nervoso central e coma recaptação de seratonina pode resultar em efeitos colaterais severos, incluindo sinais de dependência. Só suspenda a medicação com orientação médica.

Para os homens que tem uma parceira fixa é preciso estar aberto ao tratamento psicoterápico com o casal. Assim é possível orientar toda a relação sexual, o que certamente trará melhorias do relacionamento em geral e não somente debaixo dos lençois.

Também é preciso considerar que o orgasmo é relativamente raro, muito mais incomum nas mulheres do que nos homens. A relação sexual não precisa necessariamente terminar em uma ejaculação ou climax. O único critério é que seja prazeroso tanto para você como para sua parceira. Você pode ter seu ápice antes da mulher ou vice e versa, desde que não haja constrangimentos e nem frustração.